Aulas de Photoshop Cambé, Paraná

Esta página disponibiliza informações sobre o quarto escuro digital, as características deste efeito de fotos e uma lista de empresas e profissionais especializados no assunto na cidade de Cambé. Encontre abaixo empresas e profissionais da região de Cambé que oferecem diversos produtos e serviços relacionados e ainda esclareça suas dúvidas sobre dicas para a edição e revelação de fotos.

Centro de Formacao de Condutores Academica Ltda. Me
(43) 3026-2703
av Tiradentes, 122, Jd Shangrilá
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Euro - Centro de Formacao de Condutores Ltda
(43) 3025-2686
r Montevidéu, 121, Guanabara
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Centro de Formacao de Condutores Delta Ltda
(43) 3026-5105
r Maringá, 109, Vitória
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Ferriferri - Centro de Formacao de Condutores Ltda
(43) 3326-8354
av Saul Elkind, 263, Aquilles Sthengel
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Centro de Formacao de Condutores Nativa Ltda
(43) 3342-0783
av Celso Garcia Cid, 461, Lj 2, Centro
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
E.r. Freitas & Lima Ltda
(43) 3028-1319
av Caxias,Dq, 1623, Igapó
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Centro de Formacao de Condutores Sousa & Oliveira Ltda
(43) 3324-8642
r Goiás, 1870, Centro
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Centro de Formacao de Condutores Imperatriz Ltda
(43) 3324-5467
r João Cândido,Prof, 682, Centro
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Centro de Formacao de Condutores Progresso Ltda
(43) 3321-1101
av Jorge Casoni, 1455, Lago Igapó
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Bella Londrina - Centro de Formacao de Condutores Ltda
(43) 3324-3480
r Goiás, 1137, Lj 1, Centro
Londrina, Paraná

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

O que é o quarto escuro digital? | BancodaImagem

Fornecido por

out 302010

Quarto Escuro digital

A "revelação" das fotos no computador

Para entendermos bem o tema deste artigo, acredito que o melhor será começar recordando o tempo dos filmes químicos tradicionais do formato 35 mm (fotogramas no tamanho 24×36 mm), embora alguns dos jovens fotógrafos de hoje possivelmente nunca tenham visto sequer um deles. Há pouco mais de uma década, praticamente todas as fotos eram tiradas em filmes químicos que, uma vez expostos à luz, precisavam depois passar por um processo chamado “revelação”.

Isso era feito num chamado “quarto-escuro”, onde o laboratorista ficava numa penumbra, manejando quase por tato equipamentos e produtos químicos nos quais os negativos fotográficos eram imersos. Através de reações químicas, o processo de revelação acabava desvendando as imagens até então ocultas. Manipulações podiam ser feitas para se conseguir diversos efeitos nas imagens, incluindo maior ou menor contraste, aplicações de filtros coloridos, etc.

Apesar das diferenças notáveis em conceitos, o antigo filme e a imagem digital surpreeendentemente continuam mantendo muita coisa em comum. Se naquele tempo o fotógrafo apenas tirava a foto e depois a enviava para o laboratório, dependendo de alguém especializado que realizasse esse processo de revelação com sucesso, hoje em dia as coisas continuam semelhantes. Não basta tirar a foto, é preciso descarregá-la no computador, e lá processá-la para revelar a boa imagem que permanecerá praticamente escondida até passar pelo nosso quarto-escuro digital.

Foto original

Foto de um cachorro como foi gravada, sem edição básica

Tenho observado que a maioria dos fotógrafos, de iniciantes até mesmo a profissionais, passaram a usar a fotografia como se não fosse necessária mais revelá-la. Que erro! Eu fui um cliente dos chamados quartos-escuros, e certa vez, irritado por seguidos erros ou trabalhos de revelação realizados diferentemente do que eu desejava, tentei revelar meus próprios filmes. Comprei as químicas, ampliador, etc, e entrei num quartinho improvisado, tapando qualquer fresta por onde alguma luzinha indesejável pudesse espiar curiosa o que eu estava fazendo ali trancado. Cinco minutos depois quase arrombei a porta, saltando para fora de meu quarto-escuro, e tentando desesperadamente respirar um pouco de ar. Descobri assim que eu era alérgico a certos produtos químicos e que jamais poderia revelar minhas próprias fotos!

Então imaginem a minha alegria com o surgimento da fotografia digital! Descobri que o processo de revelação digital era fundamental para que as fotos ficassem do jeito que eu queria! E então, sem alergias, mergulhei de cabeça no meu quarto escuro virtual (a tela do computador), e aprendi rapidamente os conceitos básicos dos produtos reveladores virtuais (softwares como o Adobe Photoshop e muitos outros).

Revelação Digital

Mesma foto acima, apenas com ajustes básicos no computador

O fundamental nessa comparação que faço entre digital e filme, é que d...

Clique aqui para ler este artigo em Banco da Imagem

© 2010 BancodaImagem Suffusion WordPress theme by Sayontan Sinha